Nós também lemos as suas cartas: a (in)visibilidade do sujeito superdotado da infância à adultez, uma resenha do livro Cartas do menino do quarto para o mundo

Cartas do Menino do Quarto para o Mundo

Cartas do Menino do Quarto para o Mundo

Para pessoas leitoras e escritoras, é sempre uma reconfortante honra conhecer e conversar com autores de livros. Tenho orgulho de ter André Coneglian nas minhas redes de afetos, autor da obra Cartas do Menino do Quarto para o Mundo, livro resenhado por mim, Filipe Russo, Christine da Silva-Schröeder e Nanahira de Rabelo e Sant’Anna, sendo Christine autora do ebook A diversidade invisível: as pessoas AH/SD e a vida profissional: Livro 1: primeiros olhares e Nanahira indivíduo responsável pela organização do ebook poETes: altas habilidades com poesia.

Revista Neurodiversidade Segunda Edição

Revista Neurodiversidade Segunda Edição

A resenha foi publicada esta semana na segunda edição da Revista Neurodiversidade, publicação acadêmica de divulgação científica que conta até a presente data com 13 pareceristas, dentre os quais enfatizo Denise Arantes Brero e Patrícia Neumann, psicólogas parceiras deste blog. O livro de Coneglian é “uma novela que trabalha o gênero realicção no formato epistolar” (Da Silva-Schröeder, Russo e de Rabelo e Sant’Anna, 2022, p.2). Quantos meninos do quarto não passam cinco, dez, vinte, trinta anos ou toda a vida sentindo-se, nas palavras do autor André (Coneglian, 2020, p.89), como:

um peixe fora d’água, em que às vezes tentava me adequar, mas a minha ‘esquisitice’ constante me distanciava do considerado ‘normal’ para as épocas em que vivi e ambientes pelos quais circulei, mesmo na universidade, onde me realizei, porém, não era um ambiente totalmente amigável para mim?

Por fim, pode-se baixar o pdf da resenha clicando aqui e ler um dos meus sonetos abaixo, este versando sobre o objeto tecnológico Carta, o qual dialoga com a telecomunicação das mídias livro e carta, através das quais se estabelece uma comunicação que às vezes dura ou demora anos, décadas para começar e se desenrolar.

Referências

Coneglian, A. (2020). Cartas do menino do quarto para o mundo. Guarapuava: Apprehendere.

Da Silva-Schröeder, C.; Russo, F. e de Rabelo e Sant’Anna, N. (2022). Nós também lemos as suas cartas: a (in)visibilidade do sujeito superdotado da infância à adultez, uma resenha do livro Cartas do menino do quarto para o mundo. Revista Neurodiversidade. 2ª Ed.

Sobre Filipe Russo

Autore dos livros premiados “Caro Jovem Adulto” e “Asfixia”, assim como vencedore do concurso “O Olhar em Tempos de Quarentena” e de prêmios de excelência acadêmica em Inteligência Artificial, Psicologia, Gamificação, Empatia e Computação Afetiva, nesta última disciplina também recebeu o reconhecimento de melhor projeto. Licenciade em Matemática pelo IME-USP, pós-graduande em Computação Aplicada à Educação pelo ICMC-USP. Indígena agênere da Associação Wyka Kwara. Fundadore do blog Supereficiente Mental. Pesquisadore nas cátedras Oscar Sala e Otavio Frias Filho do IEA-USP, sob a coordenação de Lucia Santaella e Muniz Sodré, respectivamente.
Esse post foi publicado em Resenha e marcado , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s